Facebook

contador gratuito de visitas

5 de junho de 2018

EIS A QUESTÃO


... Quando a tristeza
vem (sorrateiramente) querendo me pegar,
aí eu penso:

___ nas coisas que vêm
e vão;

___ nas contingências
da vida;

___ nos choques de
opiniões;

___ nas misérias e nas
mazelas do mundo;

___ no quanto somos
faltos e falhos;

___ na transitoriedade
de tudo;

___ na nossa demasiada
humanidade.

Então eu paro, penso e (re)penso:
meus conceitos e minha visão das coisas,
das pessoas e do mundo.

E me pergunto:
Vale a pena ficar triste por algo de somenos
importância, enquanto o mundo
está à beira do precipício de
todas as coisas?

___ Eis a questão!

Nenhum comentário:

Postar um comentário