Facebook

contador gratuito de visitas

23 de maio de 2018

MORTE DE SONHOS


Teço meus versos
versos sombrios
sombrios e silentes
silentes, eis a questão

questão de honra
honra e de ordem
ordem, vida ou morte
morte dos sonhos

sonhos puídos
puídos e desgastados
desgastados pelo tempo
tempo que se perdeu

perdeu-se nas horas
horas mortas e frias
frias são as lágrimas
lágrimas tristes e vazias

vazias são as possibilidades
possibilidades de reacender
reacender o meu desejo
desejo de tecer versos!

Nenhum comentário:

Postar um comentário