Facebook

contador gratuito de visitas

11 de julho de 2017

AZUL DA COR DO MAR - XXII


Se eu perder o meu amor
(para a eternidade ou abandono)
Meu coração, sem dono,
Naufragará em dor!

É que este amor me rende
Traz à minha alma, alento
Alguém compreende?
Perdê-lo será tormento!

Se te perder vou morrer
Não de forma literal
Só Deus sabe, afinal
Quando irei perecer!

Se antes de mim tu fores
Minha alma em agonia
Te levará flores
E versos de poesia!

De te sempre vou lembrar
Por toda a minha vida
Meu coração será guarida
Carinhosamente a te abrigar!

Nenhum comentário:

Postar um comentário